OESPORTE

O Conteúdo certo

3º SANDA COMBAT Apucaranenses vencem cinco lutas no MMA

4 - 3 MSC COMBAT (684)Os atletas apucaranenses foram destaques na 3ª edição do MSC Sanda Combat, realizada nesse sábado à noite no Ginásio de Esportes Padre Mário Tésio, do Colégio São José. Dos sete atletas que lutaram no MMA (Mixed Martial Arts) representando o município, cinco venceram e ganharam os cinturões, enquanto dois perderam os seus combates.
Ganharam as lutas os apucaranenses Rafael Teixeira, Luciano, Flávio Magon, Rafael Abreu, o Black, e Celso Lorinho. Já Pedroca e Laerte Costa e Silva, o Mid-Night sofreram derrotas no ginásio do Colégio São José, que recebeu a presença de um grande público.
No primeiro duelo de MMA da noite, o mourãoense Markini ganhou por finalização de Willian Telles, de Siqueira Campos. Em seguida, o paraguaio Hugo Prieto venceu Pedroca no primeiro round. Aos 2 minutos e 15 segundos de luta, o apucaranense machucou o braço e com isso a vitória ficou com o lutador do Paraguai.
Na sequência, duelaram Rafael Teixeira, de Apucarana, e Éder, de Jataizinho. O apucaranense foi altamente superior no combate e ganhou por finalização no primeiro round. O também apucaranense Luciano superou Yoneda, do Paraguai, por finalização no round inicial.
Na quinta luta de MMA, Flávio Magon, de Apucarana, que representa a Aguiar Systen/MFT, passou fácil por Marmaduke, de Siqueira Campos. Magon, que faturou a sua 12ª vitória no MMA, ganhou por nocaute no primeiro round.
Em seguida lutaram Rafael “Black”, da Chuteboxe/Colliseum Centro de Artes Marciais, e José Carlos “Metal”, de Curitiba. O lutador de Apucarana, que conquistou a quarta vitória na modalidade, foi superior o tempo todo e venceu por decisão unânime.
8 - 3 MSC COMBAT (806)
 
 
Apucaranenses perdem nas lutas de K1
 
Três lutas realizadas no sábado à noite na modalidade de K1, abriram a 3ª edição do MSC Sanda Combat, no Ginásio de Esportes Padre Mário Tésio, do Colégio São José, em Apucarana. Os vencedores no evento nesse final de semana foram os lutadores Maison, de Campo Mourão; Anderson, de Arapongas; e Edílson, também atleta mourãoense.
No primeiro combate da noite, Maison venceu por pontos o atleta Luciano Pit Bull. Na sequência, num duelo bastante disputado, o araponguense Anderson também ganhou por pontos do apucaranense Maicon. Já na terceira e última luta de K1, o mourãoense Edílson venceu por decisão unânime o apucaranense Raphael.
Durante a competição de sábado aconteceram dois combates de MMA (mixed martial arts), pelo naipe feminino. As lutadoras Vitória e Paula Elétrica, de Siqueira Campos, mas que representaram a cidade de Apucarana, derrotaram Ana Beatriz e Dani, respectivamente.
9 - 3 MSC COMBAT (922)
 
Na penúltima luta do 3º MSC Sanda Combat, apontada pelo público presente como o melhor duelo de sábado, o inglês Darren Till derrotou por nocaute no quarto round o apucaranense Laerte “Mid-Night”.
No último combate, disputado no ginásio do “São José”, Celso Lorinho ganhou de Javier, do Paraguai, por finalização no primeiro round. A luta durou um minuto. O combate era para ter sido disputado entre Lorinho e o norte-americano Tim Ruberg. Mas a organização do evento acabou mudando o adversário do atleta de Apucarana, que conquistou a 22ª vitória no MMA.
17 - 3 MSC COMBAT (877) 14 - 3 MSC COMBAT (834) 15 - 3 MSC COMBAT (466) 11 - 3 MSC COMBAT (672) 14 - 3 MSC COMBAT (471) 12 - 3 MSC COMBAT (872) 12 - 3 MSC COMBAT (367) 13 - 3 MSC COMBAT (894) 8 - 3 MSC COMBAT (806) 5 - 3 MSC COMBAT (695) 6 - 3 MSC COMBAT (769) 7 - 3 MSC COMBAT (762) 2 - 3 MSC COMBAT (718) 10 - 3 MSC COMBAT (342) 9 - 3 MSC COMBAT (922) 1 - 3 MSC COMBAT (922)

Leave a Reply