OESPORTE

O Conteúdo certo

Há 30 anos, Arapongas Esporte Clube conseguia o acesso para a Primeira Divisão do Paranaense de 1990

O Arapongas Esporte Clube completou 30 anos no mês passado o acesso para o Campeonato Paranaense da Primeira Divisão de 1990. Na Segundona de 1989, o time alviverde fez boa campanha e foi vice-campeão no campeonato perdendo a final para o Maringá Atlético Clube, o MAC.
Arapongas e Maringá fizeram quatro duelos ao longo da competição, com uma vitória do Arapongão e três triunfos da equipe da “Cidade Canção”, que sobreviveu no futebol apenas três anos.
Na primeira fase da competição os dois times integraram o Grupo Norte, juntamente com Japurá, Nacional, de Rolândia, Jandaia e Cambé. Em Maringá o MAC venceu o Arapongas por 5 a 2 e no Estádio dos Pássaros o time araponguense ganhou por 2 a 1.
O Arapongas ficou em primeiro lugar na chave com 15 pontos, seguido pelo Maringá com 14. As equipes avançaram até a final do campeonato. Porém antes, na fase semifinal, o Arapongas eliminou o Ibaiti e o MAC desclassificou o União Operário, de Laranjeiras do Sul.
Na grande decisão da Segundona no jogo de ida, disputado no dia 3 de dezembro, em Arapongas, o Maringá venceu por 2 a 1. Na partida de volta no dia 10 de dezembro, no Estádio Regional Willie Davids, o MAC ganhou por 1 a 0.
O Arapongas tinha em seu elenco os jogadores Ronaldo, Cidão, Nelson, Bieleski, Batista, Biro Biro, Otávio, Zé Davi, Ademir Mineiro, Itamar Bernardes, Wilsinho, Paulinho, Nilson, Gil, Valdecir, Jorge e Devanir.
Osvaldo Alves dos Santos, o Osvaldinho, era o presidente do clube, com Altair Sartori atuando como diretor de futebol e Iran Bitencourt como técnico.
O time base do MAC era formado por Ruy; Macalé, Edvaldo Júnior, Jair e Emerson; Pelego, Zé Nei e Mendonça; Paulo César, Alcântara e Marco Antônio Cipó. Técnico: Wilson Francisco Alves, o Capão. Elnio Silveira Pollmann, o Apucarana, era o presidente da equipe maringaense.
O Campeonato Paranaense da Segunda Divisão de 1989 reuniu 22 times, subindo apenas Maringá e Arapongas. Também disputaram a competição as equipes do União Operário, Caxias (Palmas), Tabu (Clevelândia), União Medianeirense (Medianeira), Batel (Guarapuava), Real (Francisco Beltrão), Comercial (Terra Roxa), Grêmio Goioerê, Formosa do Oeste, Cruzeiro (Campo Mourão), Guaíra, Palotina, Japurá, Nacional (Rolândia), Jandaia, Cambé, Guarani (Arapoti), Ibaiti, Vasco da Gama (Curitiba) e Mixto Bordô (Telêmaco Borba).
Raul César dos Reis – Site: Oesporte

Leave a Reply