OESPORTE

O Conteúdo certo

Apucarana luta pelo título no 22º Rally Transparaná

Com muita movimentação e agito de veículos, a Praça Rui Barbosa em Apucarana, sediou nesta quarta-feira a terceira etapa da 22ª edição do Transparaná, o maior rally de regularidade das Américas. A etapa de ontem foi realizada de Umuarama a Apucarana, com largada às 9 horas e chegada do primeiro veículo às 15 horas, num percurso de 260 quilômetros.
As duplas apucaranenses formadas por pais e filhos: Roberto/Jhonatan Ardigo e Otávio “Marreco” e Allan Enz estão na briga pelo título na categoria master.
Até terça-feira (etapa de Toledo a Umuarama), Roberto e Jhonatan, com um Pajeto Full e patrocinados pela Nova Visão Soluções Ambientais, lideravam a categoria, seguidos por Flávio Kath e Rafain Walendowski, de Blumenau-SC; e Vinícius Polatti Mamute e Marcos Evangelista, de Curitiba. Otávio e Allan até a segunda etapa ocupavam a quarta colocação.
“Até agora está tudo tranquilo e o objetivo é se manter na liderança. Temos que manter a ponta, mas a disputa é muito difícil, pois temos grandes adversários, disse Roberto, que no Transparaná de 2015 obteve a terceira posição ao lado de Jhonatan.
No ano passado, pai e filho  foram campeões do Rally Paraná, competição que teve cinco etapas, duas em Curitiba, uma em Cascavel, uma em Umuarama e a outra em Apucarana.
Já o navegador Allan Enz disse que a luta continua em busca do título. “Até a etapa de hoje (ontem) estávamos em quarto lugar, mas existe um grande equilíbrio entre as quatro primeiras duplas. Tem muita competição pela frente e dá para acreditar na vitória”, comentou Allan, que tem três vice-campeonatos no maior rally de regularidade das Américas.
“Ano a ano estamos batendo na trave, uma hora o título vem”, frisou Otávio “Marreco”, que pilota um veículo Troller.
Outro apucaranense que está na disputa do Transparaná é o jovem Bryan Hirt, que vem competindo na Graduados, formando dupla com o piloto curitibano Marcelo Gouveia.
No prólogo, realizado domingo em Guaíra, a dupla foi a vencedora. Na etapa inicial da competição, segunda-feira, de Guaíra a Toledo, Bryan e Marcelo ficaram em oitavo lugar e na segunda etapa, terça-feira, de Toledo a Umuarama, eles conseguiram a terceira posição.
Na chegada de ontem em Apucarana, Joselito Voltolini, um dos diretores da prova, disse que o rally está tranquilo. “Não tivemos nenhum acidente grave, o evento está dentro da normalidade”, destacou.
Nesta quarta-feira à noite seria divulgado o resultado da terceira etapa (prova entre Umuarama a Apucarana).
Nesta quinta-feira, ocorre a quarta etapa de Apucarana até Castro. A largada será às 9 horas, defronte ao Bradesco na Praça Rui Barbosa. O evento é promovido pelo Jeep Clube de Curitiba e tem total apoio da Prefeitura de Apucarana.
 

Leave a Reply